A felicidade tem nome e endereço

tumblr_ly1xldbwo51qa4pgdo1_500_large

Você é novinho em folha. Mal chegou na minha vida e já tá aí, me arrancando sorrisos que estavam guardados e bem escondidos. Olho pra você e tenho certeza que a vida se encarrega de deixar a gente feliz. Que eu merecia, e muito, sentir essa felicidade, depois de tanto tempo mendigando amores que nunca foram meus. Eu mereço todos os seus carinhos, eu mereço todos os seus colos e mereço todas as vezes que você me pergunta “pequena, que tanto você olha pro horizonte?”. Mereço sentir meu peito sendo preenchido a cada vez que eu escuto “minha pequena” ou “vai baixinha, dá um sorriso!”, porque eu odiava quando me chamavam de pequena, mas com você é diferente. Porque eu sou a sua pequena, eu sou a sua baixinha.

E você me abraça porque quer me proteger do mundo, porque quer me cuidar e me curar de tudo de ruim que já me aconteceu. De todo os amores perdidos. Parece que do seu lado nada vai dar errado. Do seu lado eu fico mais forte, mais segura de mim, mais feliz.

E eu quero continuar aqui, no seu sofá cama gigante que caberia nós e mais umas cinco pessoas. Eu quero me esparramar aqui com todas essas suas almofadas fofas e nunca mais sair do quentinho do seu peito. Eu quero passar o final de semana deitada aqui com você, vendo filme, vendo aqueles seus seriados idiotas, e ter preguiça de sair pra jantar. Quero que a gente peça muitas pizzas pra gente comer até não conseguir respirar direito, quero que você busque vários temakis de salmão com cream cheese, que são os meus preferidos. Quero que a gente beba todo o álcool que aguentarmos, só pra gente rir até a barriga doer, e nem ligar que existe um mundo lá fora. Eu quero vestir a sua camiseta de manhã e andar pela casa como se a gente já se conhecesse há anos. Eu quero acordar e não ter vontade de levantar porque ficar com você me abraçando é melhor que tudo nessa vida. Eu quero muitos e muitos dias assim, do seu lado. Porque a gente se basta, e isso é o que importa.

Demorei demais pra perceber que você é tudo que eu mereço e tudo que eu preciso agora. Levantar daqui e bater na sua porta, é o que eu tô com vontade de fazer. Mas é tarde demais pra pedir desculpas? É tarde demais pra assumir que é você, e que não tem mais ninguém aqui dentro? Tarde demais pra te dizer que é você, de hoje em diante, é só você? É tarde demais pra te dizer que eu também quero ficar do eu lado, muitos e muitos dias? Tarde demais pra querer ser a sua pequena? Se não for, me espera e deixa a porta aberta.

Nathália Fabrini, publicado em: https://nfabrini.wordpress.com

Anúncios

Ele me achou

11

E eu acordei depois de 1h e 54 min de filme com você no meu colo, dormindo também. Eu tive tanta saudade de ter um cabelo pra fazer cafuné no meio do filme, senti tanta saudade de acordar e ver que tinha alguém ali pra eu ficar admirando. E você chegou, como quem não quer nada, e se esparramou pela minha vida. Agora eu nem lembro mais daquele outro amor que ocupou tanto a vida, o cérebro e o coração. Viu só o que você fez? Me arrumou pra eu deixar de ser bagunça, me reformou pra eu deixar de ser passagem e virar porto seguro.

Você fez a vida voltar a ser bonita, fez o meu carro voltar a escutar músicas mais felizes, fez o azul do céu ficar mais bonito. Você deu graça pra menininha desengonçada andando de bicicleta no Lago no fim da tarde enquanto a gente caminha. Você fez o pôr do sol ser mais bonito, também fez o nascer do sol ter menos sono e mais paz no coração. Você fez a cama de solteiro ser o melhor lugar do mundo pra duas pessoas. Você transformou todos os filmes e seriados em programação melhor que qualquer balada da cidade. Fez eu trocar copos de vodka e cerveja por comida japonesa, pizza e lanche gostoso da maionese verde. Você deixou eu ser quem eu sou, sem precisar me esforçar pra te conquistar ou chamar sua atenção. Você me amou primeiro e eu não sofri pra ter seu amor. Você me valorizou e me ensinou a te amar pedacinho por pedacinho. Depois de você, eu larguei o corpo no meio da corrida frenética pro amor. Acho que finalmente esse tal de amor me encontrou.

E eu ainda tô aqui, no seu melhor sofá do mundo, escrevendo no celular enquanto você fica nervosinho porque não tiro ‘essa coisa’ da mão. Mal sabe que o que eu mais gosto, é de ter as suas mãos nas minhas mãos. Mal sabe que o que eu amo mesmo é ter você do lado, sentindo como se nada pudesse acabar com toda essa felicidade. Então, que você saiba, eu só queria agradecer por você ter entrado na minha vida justo quando eu deixei de acreditar no amor. Obrigada por fazer com que eu voltasse a acreditar nessa coisa tão difícil. Obrigada por não ser igual aos outros, obrigada por me ensinar a cada dia o que é um relacionamento. Que estejamos juntos, mesmo quando o mundo falar e fizer de tudo pra não estarmos. “TAMC”, sempre!

Nathalia Fabrini

Meio assim, sei lá. Passou.

i-love-you-so-much-quotes-tumblr-i18

Chega uma hora que não dá mais. Você se cansa do mesmo papo furado, das mesmas aparições repentinas e sumiços frequentes sem explicação. Você se dá conta que não era consideração, respeito, carinho e muito menos amor. Você conclui, com medo e dor no coração, que você era só mais um step. Tá na cara, todo mundo te avisou, você sabia, mas acreditar numa ilusão era melhor, né? Não foi fácil olhar pra ele, e admitir pra mim que era um amor unilateral, e sem retorno algum da parte dele. Não foi fácil, nos primeiros dias, acordar e lembrar daquilo que a ficha recém caída na minha cabeça anunciava. E é aí que a gente dá mais valor do que nunca nos nossos amigos, porque se ele não te dava valor, os seus amigos dão muito mais que valor: eles dão palavras de conforto, que nem sempre precisam ser fáceis de serem ouvidas. Dói eles confirmarem, mais uma vez, o que você queria esquecer e mudar.

Uma coisa é fato, você não muda só porque seus amigos disseram. Se fosse assim, seria tão mais fácil. Você muda e desiste porque se cansou, porque percebeu que não valia seu choro escondido. Você muda porque lembra do quanto você vale, porque se olha no espelho e ele reflete algo muito melhor do que ele te acostumou a pensar sobre si mesma. Aí quando você tá bem, ele vem e manda uma mensagem. Você olha, e eu juro que na primeira vez doeu ignorar. Aí ele confirma o que você já esperava: ele some, sem nem insistir em saber o por que tá sendo ignorado. Some, e entope o facebook de tranqueira. O tempo passa, você percebe que aquilo é desperdício de tempo e energia, começa a abrir os olhos pra outras pessoas. Tem aquele ali, que é bonitinho. Aquele outro que te interessa. Tem aquele que conversa com você todo dia. E você vai se distraindo por aí, sem precisar ficar com nenhum outro pra esquecer. Fica nesse lance de olhar melhor pros outros e se interessar.

Vai tudo muito bem, obrigada. Os amigos percebem que você tá mais leve, mais feliz, e mais disposta a olhar para os lados. A melhor amiga elogia e diz que ficou orgulhosa. A outra amiga te abraça e comemora. Todo mundo feliz porque o amor mais bonito que ela já sentiu, e mais triste, foi superado. Dentro dessa pequena que vos escreve, tem mais do que ela mesma imaginava. Saudades de sentir aquela angústia no peito, só que não.

Nathália Fabrini

Se não tiver amor, que haja sinceridade

tumblr_l7jhqbeTNb1qbzevyo1_500

Uma vez ela sentiu o maior amor da vida. Daquela vez, ela amou tanto que o coração doía só de pensar nele. Daquela vez ela se doou e se doeu sem se importar. Aquela vez ela achava que ele era insubstituível. Que nunca mais ia aparecer outro homem daquele.

E ela se arrumava, passava o melhor perfume e ficava na sacada esperando o carro dele encostar no portão dela. Ela passava madrugadas conversando com ele. E a conversa deles era sempre muito boa. Eles eram mais amigos que qualquer outra coisa. Ele dizia que ela se daria muito bem com a mãe e a vó dele, ela ria porque sabia que era verdade. Ele ria do jeito dela quando ela ficava brava. Ela amava o brilho de criança que nunca saiu dos olhos dele. Apesar do jeito todo garanhão dele, nunca faltou sinceridade. Tudo sempre foi muito claro entre os dois. E eles se entendiam, brigavam, faziam as pazes, saíam sem rumo e sem hora pra voltar.

Várias noites ela foi feliz debaixo do céu com mais estrelas da cidade. Várias manhãs ela acordou feliz do lado dele. E várias vezes ela sentiu o coração feliz por causa dele. Apesar de tudo e todos, aquela vez foi a que menos chorou. Ela derramou lágrimas duas ou três vezes apenas, em dois anos. Porque entre os dois tinha sinceridade. Não havia o que ser escondido.  Não havia surpresas ruins, porque ela conhecia ele e não esperava nada dele.

Aquela vez ela foi feliz, e quando acabou ela não sentiu mágoa, nem dor, nem tristeza. Ela só se desconectou do mundo que tanto amou por dois anos. Ela apenas deixou ir e seguiu. Porque, mais uma vez, houve sinceridade até no fim. Seguiu deixando o maior amor da vida pra trás. A maior experiência e a maior lição. Ele foi o único HOMEM da vida dela, e ele vai ser pra sempre o que ela mais vai ter carinho, porque ele pode nunca ter amado ela do jeito que ela o amava, mas sempre teve muito carinho e respeito por ela, sempre soube do valor dela, e por isso sempre foi sincero.

* À você, que foi o mais terrível, mas o mais homem de toda a minha vida. Afinal, homem que é homem, não tem medo de dizer e nem de ouvir a verdade. Homem mesmo é aquele que poe a sinceridade acima de qualquer coisa, porque respeita o próximo. 

Nathália Fabrini

Que os dias continuem terminando bem

tumblr_m3jafuMdX91qcx7eio1_400

E aí ele chega com aquele sorriso estampado no rosto, e faz eu esquecer de todas as coisas ruins que aconteceram nas últimas horas, dias, meses e anos. Ele chega e eu só quero ficar dentro do melhor abraço do mundo. Eu que nem esperava mais você chegar na vida, eu que não esperava o coração quente e tranquilo de novo. Mas você trouxe a calmaria outra vez. E eu nem quero lembrar de todas as turbulências.

Eu só quero chegar no final de um dia estressante e ter o seu colo pra dormir, ter um cafuné e uma música sempre ao pé do ouvido. Eu só quero ter o seu colo pra deitar e esquecer de todo o resto. A paz que a sua presença traz deve ser o presente de tanto tempo esperando. De tanto esperar, cansei. E quando eu desisti de acreditar no amor, eu enxerguei a calmaria do amor em você. Porque o que eu sentia pelos outros devia ser só paixão, ou algum tipo de loucura.Com você, é bem diferente. Ou você que é diferente, vai saber. Eu não tenho mais aquela neurose em saber que horas a gente vai se ver, com quem você tá ou se olhou pra menina da mesa do lado. Eu tenho plena certeza que você pode demorar pra estacionar o carro aqui em casa, pode sim estar com outras pessoas e pode até ter dado uma olhadinha na menina, mas é do meu lado que você abre o seu melhor sorriso. E isso faz eu esquecer de todo o resto, e só agradecer por você ter trazido tanta coisa boa aqui dentro. Eu soube aceitar muita coisa nova, eu soube amar de uma maneira mais tranquila, soube admirar você e cada pedaço seu sem me importar se é perfeito ou não. Você abriu os olhos e libertou de toda a loucura que eu achava que era amar. Amor é tranquilidade, é paz e segurança. Amor, quando é recíproco e de verdade, não deixa espaço pra qualquer tipo de insegurança. Amor que é amor, traz céu azul e não tempestade.Eu nem sei quanto tempo isso vai durar. Eu nem penso muito no futuro. Se for pra ser, vai ser. Larguei o corpo, a mente e o coração. Larguei e deixei a vida seguir. Eu só quero terminar dia após dia do seu lado, só quero sentir que tudo isso que eu tô sentindo também ocupa algum espaço dentro de você. Só quero viver isso, aqui e agora. O amanhã a gente vê depois.

Nathália Fabrini

Fique o tempo que precisar

tumblr_kz8jerGB531qzb776o1_500

Tudo dando certo. Tudo indo tão bem que chega até dar um medo de piorar tudo outra vez. Mas eu tô depositando tanta fé em você, que Deus e todas as forças do universo não hão de me contrariar. Você encheu os meus dias de cor outra vez. Acordar de madrugada com mensagens voltou a ser bom. Acordar com um ‘bom dia’  e apelidos carinhosos diferentes todo dia, trouxe de volta o meu bom humor matinal. Durante o dia, receber aquela mensagem no meio do caos que anda essa cidade, e saber que no fim do dia, eu vou ter o seu colo pra deitar. O céu fica mais bonito quando a gente sabe que tem alguém que pensa e se preocupa com você. Tudo melhora só pelo fato de quem a gente gosta se importar e gostar da gente de volta.

Eu nem quero mais fazer drama, eu nem quero mais reclamar de nada. O cliente que foi mal educado, a criança com ranho no nariz que me chamou de tia, os familiares que às vezes estressam a cabeça.. tudo isso perde a importância quando seu carro estaciona aqui na frente. Tudo perde a importância porque eu nunca tive que te pedi pra ficar na minha vida. Você apareceu e resolveu ficar. E eu deixei só porque gostei. Olha só agora, eu aqui, dando sorrisos à toa durante o dia. Olha eu dormindo e acordando feliz. Vê se pode? E eu achando que quando eu amasse outra vez seria aquela confusão. Sol e chuva, alternadamente  Aquela montanha russa. Nada disso, você é calmaria. É estrada longa, com algumas curvas que eu adoro contornar pra voltar no caminho reto. Você tá chegando aqui de novo, e eu com o coque mais largado que já fiz na vida, a camiseta que você me deu pra eu sentir seu perfume e um shorts. Assim, do jeito que eu sou só porque você vive falando que me prefere assim. De cara e alma limpa. Sem maquiagem, sem paetês e rendas. E é só você chegar pro seu sorriso confirmar tudo aquilo que eu já sabia: era você mesmo quem eu tava esperando esse tempo todo. Fique o tempo que precisar aqui, eu ando gostando muito de ter você por aqui.

Nathália Fabrini