Meu arrepio…

download

meu arrepio é lembrar teu queixo
e pelos ouriçados com seu cheiro
teu beijo na boca da minha alma
estranho não saber mais sua música favorita
o que te atrai, o que te irrita
estranha saudade que não cura
que mata e faz ressuscitar
{que é pro amador morrer de amor}

e eu não aguento mais
tudo aqui é grito e baderna
amigos brincam: ‘se interna’
dias desses entraram sem bater,
acenderam a luz; me pediram ‘vem’
e eu não quis:
‘se lá não cabe ela, não cabe eu também’
água com açúcar não me acalma
passeio nas montanhas não quero
quero é
seu beijo na boca da alma
surto com quem me pede menos intensidade
‘será que nunca amou?’ – penso eu
‘será possível que nunca suou desejo?
nunca pingou de verdade?
porque minha língua, ah
ela passeou algumas vezes
mas foram seus meus sonhos, meu jazz,
meus vinhos, minhas viagens,

meus carinhos, minhas massagens

ah, você
É VOCÊ!
foda-se quem teoriza sobre o amor
sobre dor só entende quem ama
só quem já ganhou beijo
desses que entram pela boca
{da alma}
SOME. volta. volta rápido.
vem sem pressa, não vem hoje.
vem agora, não vem nunca.
nunca mais ‘mais forte’
{no pé do ouvido}
ausência que não faz sentido
tenho me contorcido pra caber
nessa difícil arte de viver sem
um ‘ah, você’ aqui pertinho
{da boca da minha alma}
**
Fábio Chap

Anúncios

2 thoughts on “Meu arrepio…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s