Pequenos

457772385-copy

 

Não quero um amor maior do que eu posso carregar.

Não quero um amor que vive um outro caso de amor com a loucura.

Esse amor não cura. Machuca.

 

Dizem que os pequenos amores são igualmente marcantes.

Vão deixando sua marca na gente

E dando as doses certas de liberdade.

Uma combinação perfeita que te faz pensar em como seria bom poder voltar, ficar e tentar amar.

 

Um grande amor não preenche para sempre um coração que conhece o vazio.

Ele não consegue se acomodar nesse infinito tão íntimo e tão seu.

Talvez seja porque ali nunca foi o seu lugar.

Hoje, todo esse espaço é meu.

 

Nesse momento é chegada a hora de sair

E procurar por esses pequenos amores

Se permitir valorizar o delicado, o calmo e não as dores.

Por ora, para o meu coração

Somente um amor com a mesma leveza das flores.

 

Publicado em: http://indianara01.wix.com/amarelo

Anúncios

2 thoughts on “Pequenos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s