Amar é existir

couple-fashion-happy-kiss-Favim.com-1803925

Essa coisa de que amar é só sorrir foi coisa implantada. Amor, por princípio, é paz e guerra. Dor e flor. O amor é dessas coisas que existem na negação. É vírus que mora debaixo da pele. Que nada junto com o sangue e trafega pelo oceano de nós.

Amor é barco. Sai cortando os ventos dos sentimentos; enfrenta tempestades, não aceita metades e engole a seco. Exceto na hora em que molha. Exceto na hora em que domina.

O amor é sina terrível e dele ninguém sai vivo. Amor só termina quando há porções de terra sete palmos acima do que fomos. Do que sonhamos e do que amamos. E por só existir em vida é que o amor é urgência, é essência e prova que nosso peito ainda bate na longa via.

Amar é – sem excesso de poesia – existir.

Fábio Chap

Anúncios

One thought on “Amar é existir

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s