Tudo que tu foste, não mais és

beer-drinking-grey-lonely-man-Favim_com-423149

Ando descompassado em meio a esse laço. Nossos frutos estão caindo da árvore e cadê aquela fome viva do antes? Nossos corpos apresentam algumas rugas e buracos que aos 22 não eram parte integrante….

Ando meio triste em relação ao futuro. Sempre fui desses de fé inabalável, mas tá difícil compreender tanto ódio. Por que você virou ‘isso’? Como foi capaz de, em poucos anos, se tornar alguém tão desconhecido?

Me diziam para rezar por você. Insistiam que eu precisava te ajudar. E ninguém ali entendia que a sua doença era o desafeto. Por si e pelo mundo. Por mim e por todas as cores que eu tentei te dar. Os moralistas virão dizer que falhei . Não sabem o quanto difícil é combater ódio com amor. Não somos seres santos que conseguem facilmente dar a outra face. Eu não sou.

Mas é isso. Vou continuar andando sem muita bússola. Espero não te encontrar nesses tempos. Eu preciso viajar, me curar. Só assim serei capaz de dar todo o amor que você merece.

Te amo, por isso – agora – estou longe.

Fábio Chap

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s