Quero ir pra casa

tumblr_lo2mahzJS81qf2dbso1_500

O celular tocou duas vezes enquanto estava no banho. Era uma ligação e uma mensagem. Não era mensagem, nem ligação. Estou com frio. Estou ouvindo bips que sempre parecem os meus, mas nunca são. Meu celular não toca, nem por engano.

Eu tenho vinte e poucos anos e estou aprendendo a andar de novo.
Hoje foi a primeira vez que entrei sozinha no shopping sem você. Estava de pé, mas me arrastando mentalmente.
Entro em um restaurante que nunca jantamos pra me sentir outra pessoa. Peço gorduras. De nada adianta ter saúde agora. Lavo as mãos. Eu errei e preciso me limpar. Não existe produto no mundo que lave a alma.

Meus ombros estão caídos como uma adolescente que veste preto e tem rosto branco e só estou ali porque sei que devo dar a volta por cima, me dizem. Quero engatinhar, quero ir pra casa e me encolher como um feto.

Não me informem sobre liquidações imperdíveis, nem sobre capinhas legais de iPhone. Não quero ver filmes bons, nem comprar camarotes. Não me liguem. Não posso atender agora.

Não quero saber sobre shows internacionais e oportunidades. Quero ir pra casa. Qualquer lugar desse mundo me parece muito longe de você agora.

Me vejo em uma roda de amigos depois de ter feito um esforço grande pra ninguém me notar. Eles acham graça de coisas que eu não consigo achar nem com muito empenho. Escuto histórias sobre pessoas que não conheço bem e concordo duas ou três vezes com coisas bobas só pra não parecer louca.

Estou cansada desse mundo de gente que ri sem motivo, se veste engraçado e bebe coisas caras só pra pertencer. Eu quero saber onde você está.

Quero saber se você tomou o remédio na hora certa, se está estudando pra concurso, se cortou o cabelo do mesmo jeito ou se está feliz, mas estou no meio de um grupo de pessoas bem vestidas que disputam pra saber quem foi mais curtido por um famoso no instagram. Quero ir pra casa. Risadas alheias me deixam tensa quando estamos separados.

Não quero ouvir alguém pedir pra eu parar de chorar dizendo que o fim é sempre um começo. Quero ir pra casa usar roupas feias e prender o cabelo com grampos.

Eu deveria ler um livro, ver uma peça em cartaz, comer sushi ou fazer um desses programas que se faz quando fica solteira sem querer, mas quer mostrar ao mundo que é por escolha e está se curtindo, se amando, se conhecendo. Mas não quero me distrair. Quero focar na minha dor. Mereço sentir cada minuto a sua ausência. Você disse tantas vezes pra eu não te mandar embora e eu mandei. E você foi, porque você se ama tanto quanto eu te amo e eu passei a te admirar muito mais depois disso.

Eu não estava preparada pra ter você, assim como uma criança de dois anos não tem idade pra ganhar um brinquedo caro. Você é caro e eu quebrei o nosso namoro. Ganhei antes do tempo e não soube usar.

Vanessa Pinho
Anúncios

2 thoughts on “Quero ir pra casa

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s